A História da Renovação Batista

Publicado neste site no dia:
23 de Junho de 2017, Sexta Feira, 01h15
Atualizado no dia: 23 de Junho de 2017, Sexta Feira, 13h24
Fonte Imagem: Google Imagens

Sabendo que uma fagulha é capaz de incendiar uma floresta e uma semente apenas é capaz de produzir muito fruto, D. Rosalle Mills Appleby organizou várias igrejas como sendo a primeira fagulha (como a do Barreiro, hoje Shalom) e o Pastor José Rego do Nascimento foi lançador da semente viva com a Igreja Batista da Lagoinha.

Essa Igreja, como diz em Ap 3:8, sofreu perseguições, calúnias, desprezo, injúrias e além disso, atirado à rua com seus filhos; mas triunfou e não negou o Nome do Senhor.

A causa que gerou o efeito e o triunfo foi a ORAÇÃO. Entretanto, mesmo assim, o pensamento dos Batistas Nacionais não foi aceito.

Tudo que é apresentado como novo, por muitas vezes é visto com desconfiança. O “Novo”, neste caso, se deu ao fato que ainda algo que ainda não havia sido experimentado. A convenção Batista Nacional surgiu, sem dúvida, pela vontade de Deus, amor a Jesus Cristo e a Ação do Espírito Santo.

Porém, para chegarmos até aqui fomos passados pelo fogo, a fim de sermos provados. Embora a identidade Batista ligada a raízes fortes de doutrinas e amor, não ficamos livres de sermos vistos, à época, como hereges, mentirosos e criadores de uma religião que não condizia com os princípios bíblicos. Tudo isso por entendermos que sem a renovação nós ficaríamos restritos a pregação do Evangelho em as paredes do teto. Deus nos chamou para muito mais!

Que Deus capacite novos homens e mulheres para um real avivamento, assim como o mesmo testemunhado e vivido pelos fundadores da Convenção Batista Nacional e por todos que cooperaram para esta jornada, juntos em direção a Jesus Cristo.


Hudson Lebourg
Colunista

Links Relacionados
[Colunista Hudson Lebourg] A Origem dos Batistas
Neopentecostalismo, evangélicos de hoje, pentecostalismo, Adventistas do Sétimo Dia, Congregação Cristã do Brasil, Testemunhas de Jeová, etc; não são originárias das Igrejas do protestantismo, mas depois do século XIX. Conversando com um adventista do Sétimo Dia, ele dizia sobre a questão da Igreja Adventista do Sétimo dia ser originária do protestantismo original, histórico, nos tempos de Lutero e João Calvino.

COMENTE!
Nome:

E-Mail:

Comentário:





& PROTESTANTISMO &
Desde 03 de Agosto de 2008