Vocês Me Buscarão e Me Acharão Quando Me Buscarem de Todo o Seu Coração (Jeremias 29-13)
Publicado neste site no dia: 24 de Setembro de 2019, Terça Feira, 22h23

Fonte Imagem: closertogodchurch.com

O extraordinário poeta Fernando Pessoa, no seu poema "Natal", desabafa:

Cega, a Ciência a inútil gleba lavra.
Louca, a Fé vive o sonho do seu culto.
Um novo deus é só uma palavra.
Não procures nem creias: tudo é oculto.

Esta é uma atitude imobilista, paralisante, de quem desiste de crer e buscar; uma desilusão suicida. É claro que o próprio Fernando Pessoa tinha tal posição como apenas uma de suas múltiplas facetas. Por isso, reconhecia igualmente: "Navegar é preciso".

Deus nos promete, através do profeta Jeremias, que, se O buscarmos de todo o coração, nós O acharemos. Isto é, nossa busca não é inútil nem louca. Como o Pai não é um Deus raso, a busca humana dura infinitamente, e também podemos penetrar ilimitadamente na sua essência e no seu mistério.

É importante destacar, com base na mensagem bíblica, que a busca de Deus se confunde com a busca de nós mesmos. E ilumina o significado do outro e do próprio Universo para a nossa vida. É como se Deus fosse o foco de que precisamos para uma perspectiva correta de tudo o que nos cerca e do mundo insondável que descobrimos dentro de nós.

A busca apaixonada por Deus é como um mergulho no amor; o "salto da fé" de que nos fala Kierkeggard. E, embora busquemos exclusivamente a Deus pela sedução de sua bondade, nunca mais seremos os mesmos, depois desse mergulho, porque se incorpora para sempre em nós a força do amor divino.

Maeterlinck vai direto ao ponto:

Os que sabem nada sabem se não possuem a força do amor, porque o verdadeiro sábio não é o que vê, mas o que, vendo mais longe, ama com mais profundidade. Ver sem amor é olhar nas trevas.

Pense nisso!


------------------------------------------
Pastor filiado ao CPJ –Conselho de Pastores de Joinville, reg. 076
Prof. e Pr. Ebron Geser Müller
E-mail: ebrommuller@yahoo.com.br


Links Relacionados
Não há links relacionados no momento;

COMENTE!
Nome:

E-Mail:

Comentário:





& PROTESTANTISMO &
Desde 03 de Agosto de 2008