Os Evangélicos Acreditam em Santos?
Vagner

Boa noite, gostaria de saber uma dúvida: Por que na Bíblia evangélica existe nos evangelhos o (S) antes do nome, como: S. Mateus, S. Marcos e etc. Esse (S) se refere a santos? E me responda também se a resposta for sim, porque já que não acreditamos. Desde já obrigado.


------------


Prezado Vagner
Graça e Paz do Senhor Jesus Cristo
Bendito seja Deus, o Senhor de nossas vidas.
A Razão do nosso viver.

A descrença dos santos não se refere a santidade vivida pelos apóstolos e pelos pais da Igreja: S. Agostinho, S. Justino, S. Jerônimo, etc. Nós acreditamos nos santos pois o próprio Cristo declara para sermos santos (Ev. S. Mateus 5:48). Quando é falado que os evangélicos não acreditam em santos, essa descrença está relacionada a canonização - onde um Beato já falecido passa por um processo de santidade a ponto de se tornar o intercessor de todos nós, ouvindo e levando as nossas preces ao Trono de Deus.

Rejeitamos a canonização pois, em primeiro lugar, as Sagradas Escrituras relatam que os santos são apresentados como exemplos e testemunhas através de suas vidas, não como intercessores depois da sua morte. No livro do Apocalipse capítulo 6 relata a oração dos santos que estão nos céus, porém tais orações não se tratavam das necessidades pessoais de cada um que vive na terra. Em segundo lugar, ainda nas Sagradas Escrituras, há apenas um único intercessor entre Deus e os homens: Jesus Cristo (1a Ep. S. Timóteo 2:5). Este sim é o único capaz de ouvir e atender as preces de cada um que nEle crê (1a Ep. S. Pedro 3:12). E, por último, não acreditamos na canonização devido a semelhança com a apoteose. Na Roma Antiga, a apoteose era um ritual da religião romana que elevava o defunto à categoria dos deuses. O Imperador Julio César foi o primeiro a receber a apoteose pelo Senado Romano. Mais tarde, a apoteose foi realizada para a maioria dos Imperadores Romanos, que foram personagens de suma importância para o Império Romano. Não é diferente da canonização que eleva uma pessoa importante (já falecida) para o Catolicismo Romano para uma santidade a ponto de interceder por nós. Isso é anti-bíblico.


Agradeço pelo email,

Deus te abençoe e te guarde.



Seja bendito o Nome do Senhor desde agora e para sempre, amém.
Marcell de Oliveira
Webmaster Protestante Online




O que você achou do artigo?
Nome:

E-Mail:

Comentário:





& PROTESTANTISMO &
Desde 03 de Agosto de 2008