Gostaria de receber atualizações por email? Só preencher o pequeno formulário abaixo!
Nome Completo:

E-Mail:




[Colunista Fabio Jefferson] Calvino Foi um Ditador de Genebra? (Parte 1)
Publicado: 14 de Março de 2021, Domingo, 14h07
Alguns apologistas católicos afirmam que João Calvino era um ditador de Genebra. Um dos motivos seria o fato de João calvino ter supostamente executado 58 pessoas. Aqui está um boato de João Calvino encontrado em várias páginas da web:

"De 1541 a 1546, João Calvino causou a execução de 58 pessoas e setenta e seis foram exilados. Suas vítimas tinham idades entre 16 e 80 anos" (fonte).

Neste fragmento, João Calvino é retratado como sendo a causa direta de cinquenta e oito execuções, incluindo jovens adultos e idosos. Aqui por exemplo: Calvin, the Tyrant of Geneva, podemos ver por Leonel Franca, afirmando que essas estatísticas foram o resultado das "perseguições religiosas a Calvino". Este site: John Calvin Biography dedicado a biografias afirma que as execuções e banimentos foram todos devido a crenças religiosas: "Nos primeiros cinco anos do governo de João Calvino em Genebra, 58 pessoas foram executadas e 76 exiladas por suas crenças religiosas".

[Colunista Fabio Jefferson] A Mariologia de João Calvino (Parte 2)
Publicado: 18 de Fevereiro de 2021, Quinta Feira, 22h31
Essa frase abaixo é bastante usada por apologistas católicos de Calvino, para defender que o mesmo reconhecia Maria como a Mãe de Deus, de acordo com a visão Romana: "Isabel chamou Maria de Mãe do Senhor, porque a unidade da pessoa nas duas naturezas de Cristo era tal que ela poderia ter dito que o homem mortal engendrado no ventre de Maria era ao mesmo tempo o Deus eterno." (John Calvin, Calvini Opera [Braunshweig-Berlin, 1863-1900], Volume 45, 35.)

[Colunista Ebron Muller] Pastorado Desejante
Publicado: 18 de Fevereiro de 2021, Quinta Feira, 22h28
Minha experiência no cristianismo começou ainda no período da adolescência. Aproximadamente com dezesseis (16) anos de idade. Durante essa fase, sentia o desejo de conhecer uma Igreja Evangélica. Nascido em uma família liberal sem muitos hábitos e frequencias na Igreja, como também conhecidos por não serem religiosos como na maioria dos lares que identificam-se como cristãos.


[Artigos Interessantes] Como Martinho Lutero Influenciou Martin Luther King Jr.
Publicado: 07 de Fevereiro de 2021, Domingo, 15h55
O fato do político norte-americano Martin Luther King Jr. ter carregado o mesmo nome do reformador protestante Martinho Lutero, a influência do reformador alemão sobre o líder americano em questões dos direitos civis foi muito mais profundo do que isso.

[Colunista Fabio Jefferson] A Mariologia de João Calvino (Parte 1)
Publicado: 17 de Janeiro de 2021, Domingo, 14h41
Não há muito material detalhado sobre a mariologia de Calvino. Um dos poucos é o historiador católico romano Thomas O'Meara em seu livro, Mary in Protestant and Catholic Thought [Nova York: Sheed and Ward, 1963]. O'Meara assim diz sobre a Mariologia de Calvino:

Dificilmente se pode dizer que Martinho Lutero escreveu uma teologia mariana, mas mesmo assim ele escreveu obras centradas em Maria, um comentário sobre o Magnificat, sermões para seus dias de festa. Este não é o caso de Calvino. Exceto por seus comentários sobre os primeiros capítulos de Lucas e seus sermões nesta mesma área do Novo Testamento, Calvino trata Maria apenas de passagem [O’Meara, p. 125].

[Colunista Fabio Jefferson] A Opinião de Martinho Lutero Sobre o Livro do Apocalipse
Publicado: 21 de Novembro de 2020, Sábado, 18h00
John Warwick Montgomery afirma que "o Prefácio curto e extremamente negativo de Lutero ao Apocalipse de São João foi completamente abandonado após 1522, e o Reformador o substituiu por um Prefácio longo e inteiramente elogioso (1530). Porque 'alguns dos antigos pais sustentaram a opinião de que não era a obra de São João, o apóstolo'. Lutero deixa a questão da autoria em aberto, mas afirma que não pode mais 'deixar o livro em paz', pois 'vemos, neste livro, que através e acima de todas as pragas, bestas e anjos maus, Cristo está com Seus santos e finalmente obtém a vitória'. Em seu prefácio original de 1532 a Ezequiel, Lutero fez uma referência cruzada ao Apocalipse de São João sem nenhum indício de crítica; em seu Prefácio posterior, muito mais completo, a Ezequiel, ele conclui com a observação de que, se alguém deseja entrar no estudo profético, mais profundamente, o Apocaplise de João também pode ajudar. (John Warmick Montgomery, "Lessons From Luther On The Inerrancy Of Holy Writes", Westminster Theological Journal Volume 36, 295). Mesmo na versão anterior de 1522, Lutero novamente explica que sua opinião não deve ser vinculativa: "Sobre este livro do Apocalipse de João, deixo cada um livre para terem suas próprias opiniões. Eu não gostaria que ninguém fosse sujeito à minha opinião ou julgamento", (LW 35:398) e também, "que cada um pense nisso como seu próprio espírito o conduz." (LW 35:399)

[Estudos & Reflexões] As Ideias Políticas de Calvino Segundo Denis Crouzet
Publicado: 25 de Setembro de 2020, Sexta Feira, 00h24
Comecemos pelo princípio. Em "Divina Glória", o último capitulo de seu livro, Crouzet traça um perfil bastante diversificado das posturas políticas do reformador, a partir do postulado de que Calvino foi também "um grande técnico da infiltração doutrinária, o grande ordenador de uma batalha no dia-a-dia".[4] Com isso em mente, Crouzet expõe como o escatologismo de Calvino pode ser lido no contexto de um internacionalismo que o levou, sem sair de Genebra, a ter influência na Inglaterra, Alemanha, Escócia, Polônia e Hungria. Para Calvino, "o reino de Cristo devia testemunhar a reconciliação de todos os homens, quaisquer que fossem suas raças, situação social e identidade política ou nacional. Em um dia não determinado, o mundo seria uno".[5] Tal otimismo enfrentaria enormes barreiras, como o imprevisível papel dos monarcas e da nobreza. As implicações políticas desta percepção certamente seriam provadas frente à crua realidade.

[Estudos & Reflexões] Os Quakers no Brasil
Publicado: 21 de Setembro de 2020, Segunda Feira, 20h47
A Sociedade Religiosa dos Amigos, ou os Quakers[1], é um dos mais peculiares grupos religiosos originários da época conturbada do século XVII na Inglaterra. Em tempos de sectarismos político e religioso, emergiram das camadas populares de orientação puritana os chamado Sessenta Valentes, dentre eles o célebre George Fox (1624–1691). Nunca formaram uma larga denominação religiosa, porém os Quakers se destacaram em ativismo social e nas ciências. Dentre as personalidades notáveis ligadas ao quakerismo contam-se as ativistas sociais Susan B. Anthony, Lucretia Mott e Elizabeth Fry, o químico John Dalton, o presidente norte-americano Herbet Hoover, o diplomata e laureado pelo Nobel barão Philip Noel-Baker, o pioneiro da antropologia E.B.Tylor, o poeta Walt Whitman, a escultora britânico-brasileira Josephine Vasconcelos.

[Estudos & Reflexões] Os Valdenses no Brasil
Publicado: 21 de Setembro de 2020, Segunda Feira, 20h46
Uma das mais antigas comunidades etnorreligiosas cristãs da Europa, os valdenses possuem uma histórica presença no Brasil. Com mais de um século no país, seus descendentes filiaram-se a diversas denominações religiosas ou secularizam-se, mas constituem um legado valioso. Largamente negligenciada pela historiografia dominante acerca da imigração e das religiões no Brasil, esse panorama introduz os valdenses e seus descendentes brasileiros.

[Estudos & Reflexões] O Grande Despertar
Publicado: 18 de Setembro de 2020, Sexta Feira, 15h25
O Grande Despertar foi um renascimento religioso que impactou as colônias inglesas na América durante as décadas de 1730 e 1740. O movimento surgiu em um momento em que as ideias da Razão e da Ciência estavam sendo mais enfatizadas do que a fé e a religião em si. Contudo, muitos líderes cristãos viajavam com muita frequência de cidade em cidade, pregando o evangelho, enfatizando a salvação dos pecadores e promovendo o entusiasmo pelo Cristianismo. O resultado foi uma dedicação renovada à religião. Muitos historiadores acreditam que o Grande Despertar teve um impacto duradouro em várias denominações cristãs e na cultura americana em geral.

[Biografias] Francis Asbury
(Publicado: 14 de Setembro de 2020, Segunda Feira, 13h44)
Algumas pessoas o viam como um trabalhador compulsivo, outras o viam como um bispo muito dedicado com o seu trabalho. Nascido na Inglaterra, Francis Asbury se dedicou em pregar o Evangelho durante 45 anos na América realizando viagens a cavalo ou em carruagem por cerca de 300 mil milhas (aprox. 483 mil km) pregando cerca de 16.500 sermões. Ele era tão conhecido na América que todas as cartas endereçadas ao "Bispo Asbury, Estados Unidos da América" eram entregues a ele. Se houvesse um outro "Bispo Asbury" precisava mudar de nome para receber suas encomendas. E o resultado de todo esse trabalho e de toda essa fama foi por o Metodismo Americano no mapa denominacional.

[Outras Obras] O Protestantismo Português: História e Problematização
Publicado: 30 de Julho de 2020, Quinta Feira, 19h41
Neste link, disponibilizo o livro "Protestantismo Português: História e Problematização" de Luís Aguiar Santos, mestre em História Contemporânea pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.

Link para download: ONEDRIVE

[Estudos & Reflexões] O Primeiro Culto Protestante no Brasil e Seus Desdobramentos
Publicado: 30 de Julho de 2020, Quinta Feira, 00h09
Num país de secular hegemonia católica em que os livros didáticos de história apresentavam até pouco tempo atrás como data a ser memorizada pelos alunos a Primeira Missa no Brasil, quem se lembra ou a quem interessa saber quem e quando foi realizado o Primeiro Culto Protestante no Brasil?? Infelizmente os próprios evangélico-protestantes não dão muito (para não dizer quase nenhum) valor à sua própria História - então por que outros valorizaram?

Somente após a década 1970 se iniciou o Estudo Acadêmico do Protestantismo no Brasil e suas repercussões na História do país. Nas palavras de Júlio Andrade Ferreira, historiador oficial da IPB, a historiografia protestante brasileira ainda que a partir de 1950 fosse quantitativamente crescente, no que tangia a qualidade tornava-se angustiante para os que pretendiam um estudo mais acadêmico, pois segundo ele - a um simples exame se apercebem do caráter apologético e pouco cientifico, pueril às vezes, da maior parte dessa imensa produção literária // (1959, v.1, p. 35).


Autor:
Ivan Pereira Guedes
Mestre em Ciências da Religião
Universidade Presbiteriana Mackenzie

[Colunista Ebron Geser Muller] O Amor: O Dom Maior
Publicado: 24 de Julho de 2020, Sexta Feira, 20h21
Como deve estar organizada a comunidade e quem é o mais importante na sua estrutura? Essa já era uma preocupação dos discípulos que conviveram com Jesus, a ponto de discutirem entre eles quem era o maior. A resposta de Jesus, decepcionado com esse tipo de discussão, chegou rápida: "Se algum quer ser o primeiro, deverá ser o último, e ser aquele que serve a todos" (Mc 9,35). O mundo das relações humanas proposto por Jesus não se baseia no poder e no domínio, mas no serviço sem interesses e pretensões.


[Colunista Hudson Lebourg] Deixe Deus Reiniciar Você!
Publicado: 21 de Julho de 2020, Terça Feira, 15h48
Há épocas e momentos em nossas vidas que chegamos longe do plano original de Deus para a nossa vida. Nós adicionamos em nossas atribuições de vida, os relacionamentos e as tarefas da mesma forma que baixamos aplicativos para o nosso telefone. Nós complicamos a nossa vida com o que Deus nunca teve a intenção de nos dar. E quando a vida chega a ser esmagadora, complicada e frustrante, sabemos que é hora de pressionar o botão de reiniciar.

[Estudos & Reflexões] A Filosofia Política de Martinho Lutero
Publicado: 21 de Julho de 2020, Terça Feira, 15h28
A importância de Martinho Lutero como pensador reside no fato de ter contribuído decisivamente para o desencadeamento da Reforma que quebrou a unidade do cristianismo ocidental. Ao romper a unidade da Igreja Cristã Ocidental, Lutero e seus seguidores buscaram também novos fundamentos para a concepção de Estado, governo e poder político, tendo efeitos até nossos dias. Nesse trabalho devem ser investigadas suas posições sobre os fundamentos e os limites do domínio da autoridade secular, o direito à não-resistência e as relações com os homens fora da Cristandade, assuntos extremamente importantes e vinculados à revolta dos camponeses alemães de 1525. Evidentemente que as questões políticas encontradas em Lutero são conseqüências de sua teologia, que era o que norteava seu pensamento. Lutero posicionou-se diretamente sobre a Guerra dos Camponeses em dois textos principais: Exortação à Paz, Resposta aos Doze Artigos dos Camponeses da Suábia e o Adendo: Contra as Hordas Salteadoras e Assassinas dos Camponeses, a partir dos quais esse trabalho foi elaborado.


Autor:
Paulo Henrique Vieira
Programa de Pós-Graduação em Educação / Universidade Estadual de Maringá - PR

[Estudos e Reflexões] Pentecostalismo e Calvinismo: Alguma Relação Possível?
Publicado: 19 de Julho de 2020, Domingo, 01h56
Historicamente, a relação entre calvinistas e pentecostais não tem sido sempre amistosa. Em muitas obras publicadas o tom belicoso não foi evitado. Contudo, em tempos mais recentes e de forma crescente, pentecostais em busca de uma teologia mais robusta tem se aproximado do calvinismo, enquanto estes têm demonstrado maior abertura à liturgia pentecostal. Mesmo assim, essa crescente minoria tem sido vista com cautela, tanto por pentecostais como por calvinistas. E embora se admita que seja "muito possível que um crente individual, ou uma igreja, creiam firmemente nos cinco pontos do calvinismo e ao mesmo tempo creiam no batismo com o Espírito Santo como segunda experiência e na continuidade do dom de línguas"[1], tais crentes e igrejas são vistas como inconsistentes. A questão, pois, é se os dois sistemas são necessariamente auto excludentes ou existe compatibilidade entre as doutrinas distintivas de pentecostais e calvinistas.

[Estudos & Reflexões] Lutero, Müntzer, Kierkegaard, Bonhoeffer e Luther King: Um Ensaio Sobre Resistência a Partir de Uma Ótica Protestante
Publicado: 17 de Julho de 2020, Sexta Feira, 02h06
Na maioria das vezes, talvez sempre, quando falamos sobre resistência nos referimos à luta pela liberdade de um determinado povo ou de uma determinada pessoa que se vê privada dela por forças políticas que lhes são superiores. Esta concepção de resistência entra em choque tanto com a concepção do cristianismo traçada por Maquiavel quanto quando analisamos como o cristianismo, representado majoritariamente por evangélicos, elegeu e dá suporte para os poderes que atualmente regem a política brasileira, que se apresentam sob máximas como "Deus acima de todos" e "conhecereis a verdade e a verdade vos libertará". O presente trabalho, portanto, visa demonstrar não somente como uma ideia de resistência pode ser relacionada com o cristianismo como foi levada a cabo por importantes lideranças cristãs, desde o século XVI, por Martinho Lutero, até o século XX por, curiosamente carregando o mesmo nome, Martin Luther King, Jr.

Autor:
Matheus Schmaelter
- Trabalho apresentado na XV Semana de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade do Rio de Janeiro

[Estudos & Reflexões] Os Dois Tipos de Justiça, Reinos e Regimes em Lutero: A Dinâmica de Lei e Evangelho a Partir do Artigo V da Fórmula de Concórdia
Publicado: 14 de Julho de 2020, Terça Feira, 20h56
O presente artigo busca uma análise dos ensinamentos luteranos sobre os dois tipos de justiça (passiva e ativa), os dois reinos (do mundo e dos céus) e os dois regimes (o da mão direita e esquerda), partindo do binômio de lei e evangelho presente no artigo quinto da Fórmula de Concórdia. Deus reina nos dois reinos por meio dos dois regimes, que podem ser relacionados com os dois tipos de justiça devido ao fato de um ser pautado pela lei (justiça ativa – regime da mão esquerda) e o outro pelo evangelho (justiça passiva – regime da mão direita). A pesquisa também instiga futuras análises sobre a interface entre os dois regimes em ambientes cristãos como a escola confessional.

Autor:
George Carlos Felten
Bacharel em Teologia pela Universidade Luterana do Brasil (ULBRA); Estudante do Programa de Pós-Graduação em Teologia e Ministério Pastoral pela mesma instituição; Seminarista da Igreja Evangélica Luterana do Brasil (Seminário Concórdia, São Leopoldo – RS); Estudante do Programa de Licenciatura em Letras (Português-Inglês) pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS); Autor do Blog e da Página no Facebook "Sapientia Nulla".

[Conversas à Mesa] Do Catecismo
(Publicado: 21 de Junho de 2020, Domingo, 21h38)
Publicado o capítulo Do Catecismo em Tischreden.

[Biografias] Susanna Wesley
(Publicado: 10 de Maio de 2020, Domingo, 00h00)
Dizem que, se John Wesley foi o pai do Metodismo, Susannah foi a mãe. Ela é apontada como a maior influência religiosa do filho, condutor de uma grande obra de avivamento na Inglaterra do século 18. Filha de uma família de puritanos ingleses, ela aceitou ir para a Igreja Anglicana, onde seu marido Samuel Wesley exercia o ministério de pastor, na pequena paróquia de Epworth, na Inglaterra. Ele era conhecido por não entender o limite – ou a diferença – entre disciplina e controle excessivo. Sua rigidez em relação às ovelhas levou alguns de seu rebanho a odiá-lo. O ápice da perseguição culminou em dois incêndios a sua casa. No segundo, a residência dos Wesley foi totalmente destruída.

[Estudos & Reflexões] Nazismo e Cristianismo: A Relação Entre a Igreja Protestante Alemã e o Movimento Nacional-Socialista
Publicado: 26 de Abril de 2020, Domingo, 00h00
Um problema para os cristãos de hoje é perceberem que a população alemã nos anos 1930 era formada, em sua maioria esmagadora, de cristãos. Alguns autores afirmam que mais da metade do povo alemão era protestante, enquanto 40% era católico. Como aceitar que uma população majoritariamente cristã, que foi o berço da Reforma Protestante, que deu lugar às pregações de Lutero, possa ter cruzado os braços e virado as costas para seus vizinhos, amigos e mesmo parentes de ascendência judaica? A intenção desse livro é entender o movimento religioso alemão antes e durante o período de ascensão do movimento nazista na Alemanha, buscando ponderações no campo social, histórico e teológico para compreender as razões que levaram o povo alemão a aceitar a liderança do partido Nacional-Socialista Alemão.

Autor:
Pr. André dos Santos Falcão Nascimento
Carioca, Pastor da Primeira Igreja Batista do Grajaú, graduado em teologia e pós-graudado em teologia bíblico-sistemática no Seminário Teológico Batista do Sul do Brasil. Suas linhas de pesquisas atuais são História da Igreja e Cristianismo Contemporâneo, possuindo mais escritos em seu blog - http://prfalcao.blogspot.com

[Estudos & Reflexões] A Relação do Protestantismo com o Capitalismo, Segundo Max Weber
Publicado: 21 de Março de 2020, Sábado, 16h30
Neste artigo procuro mostrar a relação existente entre o protestantismo e o capitalismo, tomado como objeto de estudo por Max Weber. Esta pesquisa bibliográfica, baseada principalmente em sua obra mais conhecida A ética protestante e o "espírito" do capitalismo, em que o referido sociólogo alemão percebe que a ética protestante foi um dos fatores (não único) que favoreceu o desenvolvimento do capitalismo. Pois, segundo ele, durante a Idade Média, o catolicismo pregava o desprezo aos bens materiais e a usura. Porém esse pensamento muda com a reforma protestante. Há a valorização do trabalho como também outras doutrinas, a exemplo da predestinação calvinista, afirmando que o bom êxito econômico seria o indício da benção de Deus. O que favoreceu a seus fiéis a buscarem esse sucesso material, para mostrarem que estavam agraciados por Deus. Porém, tal mentalidade enfraqueceu, continuando a busca do sucesso nos negócios.

[Colunista Hudson Lebourg] Sobre a Depressão
Publicado: 29 de Janeiro de 2020, Quarta Feira, 00h02
Algumas dicas para aliviar a depressão:

* EVITE SE ISOLAR OU NÃO SE ISOLE: Uma das coisas mais perigosas é uma pessoa que se isola, que não conversa, que não interage; porque somos seres psicossociais;

* TENHA AMIGOS: Verifique se existe alguém tem as mesmas afinidades que você. Uma pessoa, por mais que tenha ideias que pareçam únicas, deve existir alguma outra pessoa que tenha a mesma ideia e que pode conversar sobre o assunto;

* UM DESTES AMIGOS PROVAVELMENTE DEVE SER ALGUÉM CONFIÁVEL: Não que seja obrigatório, mas que a deve ter uma grande probabilidade de você ter um Amigo que você possa contar os seus problemas. Isso é muito bom. "MAS NÃO ESQUEÇA: Ele, também, por sua vez, contará os dele para você!";

[Colunista Ebron Muller] Seduzidos por Deus
Publicado: 28 de Janeiro de 2020, Terça Feira, 23h45
Em Sansão e a Sedução de Cultura, Roger Ellsworth[1] nos adverte quanto ao perigo de tornarmo-nos apaixonados e deste modo, divididos pela cultura, principalmente a da atualidade. Roger Ellsworth ilustra recordando-nos a história de Sansão e seu encantamento por Dalila. A conclusão de seu artigo, alerta sobre o dever de permanecermos fiéis e não nos deixarmos seduzir pela cultura que por Deus fomos chamados a influenciar.


[Colunista Ebron Muller] Confiando em Deus
Publicado: 28 de Janeiro de 2020, Terça Feira, 23h39
Como vamos passar por este vale de lágrimas quando perdemos a alegria em um mundo como este? Sabemos que não há melhor maneira do que o hábito de levar tudo a Deus em oração. Veja o que diz o salmista: "E invoca-me no dia da angústia; eu te livrarei, e tu me glorificarás" (Sl 50:15)


[Colunista Ebron Muller] Sorria! Você Está Sendo Observado!
(Publicado: 29 de Outubro de 2019, Terça Feira, 19h05)
"Porque me parece que Deus nos colocou a nós, os apóstolos, em último lugar, como condenados à morte. Temo-nos tornado um espetáculo para o mundo, tanto diante de anjos como de homens". 1 Coríntios 4:9 - NVI (Nova Versão Internacional)

Este texto de Paulo afirma que os "apóstolos" segundo Tertuliano em seus comentários eram postos em "último lugar" supõe a mais baixa condição, o estado mais humilde, como se "condenados à morte" e o apóstolo Paulo termina o versículo dizendo que "nos tornamos espetáculo ao mundo, tanto a anjos quanto a homens".


[Colunista Ebron Muller] Se Você Quer Algo Novo, Como Diria Peter Drucker: Você Precisa Parar de Fazer Algo Velho
(Publicado: 06 de Outubro de 2019, Domingo, 10h22)
Enumerei as Resoluções de Jonathan Edwards extraída do Livro As Firmes Resoluções de Jonathan Edwards do autor Steven J. Lawson, publicado pela Editora FIEL.

Resoluções de Jonathan Edwards, pastor que foi usado por Deus no grande avivamento da Nova Inglaterra nos Estados Unidos. Elas foram escritas em New Haven, Connecticut em 1722.

1. Resolvi que farei tudo aquilo que seja para a glória de Deus e que traga benefícios para o meu próximo.

2. Resolvi confessar cada falha que eu possa cometer e buscar em Deus o arrependimento.

3. Resolvi jamais desperdiçar um só momento do meu tempo.


[Colunista Ebron Muller] Espiritualidade
(Publicado: 24 de Setembro de 2019, Terça Feira, 22h59)
A espiritualidade é uma exigência atual da fé. As pessoas de maneira geral buscam por uma espiritualidade mais intensa e com devido comprometimento. Em meio a tantas opções, contudo, nem sempre se define com clareza mais exata a natureza de espiritualidade.


[Colunista Ebron Muller] Vocês Me Buscarão e Me Acharão Quando Me Buscarem de Todo o Seu Coração (Jeremias 29-13)
(Publicado: 24 de Setembro de 2019, Terça Feira, 22h23)
O extraordinário poeta Fernando Pessoa, no seu poema "Natal", desabafa:
Cega, a Ciência a inútil gleba lavra.
Louca, a Fé vive o sonho do seu culto.
Um novo deus é só uma palavra.
Não procures nem creias: tudo é oculto.

Esta é uma atitude imobilista, paralisante, de quem desiste de crer e buscar; uma desilusão suicida. É claro que o próprio Fernando Pessoa tinha tal posição como apenas uma de suas múltiplas facetas. Por isso, reconhecia igualmente: "Navegar é preciso".


[Outras Obras] Contribuições da Reforma Luterana no Âmbito da Democratização Educacional
(Publicado: 10 de Setembro de 2019, Terça Feira, 21h12)
Projeto de Pesquisa apresentado ao Curso de Pós-Graduação em Políticas Sociais Integradas da Faculdade Estácio de Sá, a ser utilizado como diretrizes para a manufatura do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

Aluno: Marcell de Oliveira
Orientadora: Prof. Adriana de Souza Carvalho

* Arquivo em PDF contendo 22 páginas. Aproximadamente 152kb.

[Artigos Interessantes] Monumento em Homenagem à Reforma em Genebra é Vandalizado
Publicado: 16 de Julho de 2019, Terça Feira, 17h03
O monumento em homenagem à Reforma Protestante é uma das principais atrações turísticas da cidade em que João Calvino, um dos principais reformadores protestantes franceses, desenvolveu seu trabalho depois de 1536. O Muro da Reforma foi inaugurado em 1909, e também homenageia a influência de Guilherme Farel, Teodoro de Beza e John Knox. A tinta foi jogada no monumento conforme as cores do arco-íris, que é um símbolo dos grupos LGBT. Na primeira reação, a polícia disse que ninguém havia reclamado o ataque. De acordo com o site local LemanBleu, o conselho da cidade de Genebra registrará uma queixa criminal. Funcionários trabalhando no parque disseram que o monumento seria limpo o mais rápido possível.


[Biografias] Jean de Léry
Publicado: 01 de Maio de 2019, Quarta Feira, 01h35
Léry era um jovem sapateiro e seminarista quando, em 1556, tomou a decisão de acompanhar um grupo de ministros e artesãos protestantes em uma viagem à França Antártica, colônia francesa estabelecida na baía de Guanabara, atual cidade do Rio de Janeiro. A França Antártica havia sido estabelecida por Nicolas Durand de Villegagnon, com ajuda financeira e apoio de Gaspar II de Coligny, almirante da marinha francesa convertido ao calvinismo.


[Colunista Hudson Lebourg] Não Sabe Qual Decisão Tomar? Recorra ao Senhor!
(Publicado: 01 de Mail de 2019, Quarta Feira, 01h23)
Jesus poderia simplesmente ter vindo à terra, completado Sua tarefa e ir para o céu para se sentar ao lado do Pai. Se assim fosse, Ele não teria que escolher discípulos, outros homens, para investir tempo. Ele não teria que ter relações com ninguém. No entanto, optou por dar de si mesmo para os outros e deixá-los chegar perto o suficiente para serem influenciados por Ele. Da mesma forma, não fomos chamados a simplesmente vir aqui, concluir o nosso objetivo, ir para o céu e pronto. Fomos feitos para o relacionamento, à começar com Deus, nosso Pai. Ele poderia não ter nos criado, mas Ele o fez para que pudéssemos ter um relacionamento com Ele e com os outros.

[Colunista Prof. Dr. André Muceniecks] Estratégias Individuais e Institucionais e o Avanço da Reforma Luterana no Norte Europeu: O Caso da Livônia
Publicado: 03 de Abril de 2019, Quarta Feira, 15h52
Este artigo analisa os processos que conduziram à instituição do Luteranismo na Europa do Norte, em particular na Confederação da Livônia. Apresentaremos de ínício um panorama da reforma sueca de Gustav Vasa, como evento exemplar de adoção da reforma por um monarca em processo de fortalecimento, seguido por um estudo de caso mais detalhado da Reforma na Livônia, que destoa das linhas gerais estudadas nos movimentos reformadores luteranos e permite a observância de elementos notavelmente populares. Por fim, demonstramos a necessidade de se considerar as Reformas religiosas do século XVI como eventos levados a cabo por agentes diversos, motivados por razões igualmente diversas, que vão de motivações espirituais e religiosas à de ordem política e econômica, e acabam por convergir em estratégias de benefício mútuo.

* Arquivo em PDF, 23 páginas, aprox. 560kb.

[Colunista Prof. Dr. André Muceniecks] Reações à Reforma Luterana no Norte: As Diversas Faces da Heresia e Heterodoxia na História de Gentibus Septentrionalibus, de Olaus Magnus (XVIs)
Publicado: 03 de Abril de 2019, Quarta Feira, 15h33
Este artigo possui dois objetivos principais: de forma mais ampla, pretendemos analisar a temática da heterodoxia religiosa na Europa do Norte na transição do período medieval para a Idade Moderna. Neste sentido, analisaremos a transformação que o conceito de heresia sofreu entre os dois períodos dentro da cristandade; de modo mais específico, observaremos o contexto sueco na primeira metade do século XVI como estudo de caso emblemático devido às Reformas protestantes e à quebra da União de Kalmar. Tais aspectos serão observados na História de gentibus septentrionalibus, de Olaus Magnus, último arcebispo católico romano dos suecos, já no exílio. Destarte, observaremos os diversos significados que heresia e heterodoxia recebem na obra citada.

* Arquivo em PDF, 35 páginas, aprox. 1MB.

[Colunista Hudson Lebourg] "Fomos Feitos Para o Relacionamento"
(Publicado: 03 de Abril de 2019, Quarta Feira, 00h04)
Jesus poderia simplesmente ter vindo à terra, completado Sua tarefa e ir para o céu para se sentar ao lado do Pai. Se assim fosse, Ele não teria que escolher discípulos, outros homens, para investir tempo. Ele não teria que ter relações com ninguém. No entanto, optou por dar de si mesmo para os outros e deixá-los chegar perto o suficiente para serem influenciados por Ele. Da mesma forma, não fomos chamados a simplesmente vir aqui, concluir o nosso objetivo, ir para o céu e pronto. Fomos feitos para o relacionamento, à começar com Deus, nosso Pai. Ele poderia não ter nos criado, mas Ele o fez para que pudéssemos ter um relacionamento com Ele e com os outros.

[Biografias] Charles Porterfield Krauth (Publicado: 02 de Abril de 2019, Terça Feira, 23h00)
No ano de 1861, Krauth foi resignado do ministério paroquial para servir em tempo integral como editor do The Lutheran, um periódico de teologia. Um dos objetivos da revista The Lutheran era de restaurar as confissões de fé encontradas no Livro da Concórdia e torná-las em prática no seio da Igreja Luterana.

[Conversas à Mesa] Do Livre-Arbítrio
(Publicado: 27 de Março de 2019, Quarta Feira, 23h15)
Publicado o capítulo Do Livre Arbítrio em Tischreden.

[Outras Obras] Uma Visão Histórico-Teológica de Jan Amos Komensky: Pai da Didática Moderna, Segundo a Ética Protestante da Instrução, Virtude e Piedade
(Publicado: 12 de Fevereiro de 2019, Terça Feira, 23h39)
Artigo científico realizado pela professora Sueli Biasetti que é especialista em Docência do Ensino Superior pela Universidade Gama Filho e, também, especialista em História da África: educação, cultura e relações internacionais pelo Centro Universitário Assunção.

O artigo em questão fala sobre as teorias de Comenius (ou Komensky), um bispo protestante da Igreja Morávia do século XVII, considerado o pai da Didática Moderna.


* Arquivo em PDF contendo 19 páginas. Aproximadamente 415kb.

[Conversas à Mesa] Dos Pecados
(Publicado: 11 de Fevereiro de 2019, Segunda Feira, 23h25)
Publicado o capítulo Dos Pecados em Tischreden.

[Conversas à Mesa] Do Espírito Santo
(Publicado: 07 de Fevereiro de 2019, Quinta Feira, 00h56)
Publicado o capítulo Do Espírito Santo em Tischreden.

[Outras Obras] Martinho Lutero, Um Destino - Lucien Febvre
(Publicado: 27 de Setembro de 2018, Quinta Feira, 16h38)
Neste link, disponibilizo o livro "Martinho Lutero, Um Destino" do historiador Lucien Febvre para baixar.

Link para download: ONEDRIVE

[Conversas à Mesa] De Jesus Cristo
(Atualizado: 03 de Setembro de 2018, Segunda Feira, 21h02 / Publicado: 13 de Dezembro de 2017, Quarta Feira, 00h28)
Concluído o capítulo De Jesus Cristo em Tischreden.

[Biografias] Greg Bahnsen (Publicado: 10 de Agosto de 2018, Sexta Feira, 19h12)
Greg L. Bahnsen (17 de setembro de 1948 - 11 de dezembro de 1995) foi um filósofo, apologista e orador calvinista americano. Ele era ministro da Igreja Presbiteriana Ortodoxa e estudou em tempo integral na Residência do Centro de Estudos Cristãos do Sul da Califórnia (SCCCS). Ele também era considerado um contribuinte para o campo da apologética cristã através da popularização do método pressuposicional de Cornelius Van Til. Ele também era o pai de David L. Bahnsen, um gerente de porfólio americano, autor e comentarista de televisão.

[Biografias] Larry Christenson (Publicado: 09 de Agosto de 2018, Quinta Feira, 20h09)
O Rev. Larry Christenson, um pastor da Igreja Luterana em San Pedro, foi pioneiro no movimento de renovação carismática que se estendeu para as principais denominações durante a década de 60. Ele morreu de uma forma trágica no ano de 2017, com 89 anos, durante sua caminhada diária de 4 milhas em Minnesota/EUA. Sofreu uma queda e acabou não resistindo.

[Outras Obras] Martinho Lutero, Obras Selecionadas
(Publicado: 01 de Agosto de 2018, Quarta Feira, 08h30)
Neste link, disponibilizo alguns livros completos de Obras Selecionadas de Martinho Lutero para baixar.

Agradecimentos: Nailton Monteiro do Lutero Reflexivo - Amizades.

----------

1. MARTINHO LUTERO, Obras Selecionadas V1. - Os Primórdios, Escritos de 1517 a 1519;

2. MARTINHO LUTERO, Obras Selecionadas V2. - O Programa da Reforma, Escritos de 1520;

3. MARTINHO LUTERO, Obras Selecionadas V3. - Debates e Controvérsias, I;

4. MARTINHO LUTERO, Obras Selecionadas V4. - Debates e Controvérsias, II;

5. MARTINHO LUTERO, Obras Selecionadas V5. - Ética: Fundamentos, Oração, Sexualidade, Educação, Economia;

6. MARTINHO LUTERO, Obras Selecionadas V6. - Ética: Fundamentos da Ética Política, Governo, Guerra dos Camponeses, Guerra Contra os Turcos, Paz Social;

7. MARTINHO LUTERO, Obras Selecionadas V7. - Vida em Comunidade: Comunidade, Ministério, Culto, Sacramentos, Visitação, Catecismos, Hinos;

8. MARTINHO LUTERO, Obras Selecionadas V8. - Interpretação Bíblica: Princípios;

9. MARTINHO LUTERO, Obras Selecionadas V9. - NÃO DISPONÍVEL NO MOMENTO;

10. MARTINHO LUTERO, Obras Selecionadas V10. - Interpretação do Novo Testamento: Gálatas, Tito;

11. MARTINHO LUTERO, Obras Selecionadas V11. - Interpretação do Novo Testamento: João 14-16, 1 João;


Link para download das obras: ONEDRIVE

[Colunista Hudson Lebourg] Você Tem "Escolhido" Para Quem Vai Pregar? Por Quê? Ou... Pra Quê?
(Publicado: 16 de Julho de 2018, Segunda Feira, 23h57)
Um fazendeiro não considera como o solo vai responder as sementes que ele planta. Ele sabe que não têm controle sobre aquela parte milagrosa da colheita. Essa parte está além de sua capacidade. Os agricultores ou lavradores entendem que sua responsabilidade é semear a semente e, então, fazer o seu trabalho. Entretanto, nem sempre sabe se o que vai plantar vai nascer o fruto necessário para o seu patrão.

[Colunista Hudson Lebourg] Você Tem Sido Grato Ao Senhor Ou Tem Esquecido Dos Seus Benefícios?
(Publicado: 25 de Junho de 2018, Segunda Feira, 13h28)
"Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e tudo o que há em mim bendiga O seu santo nome. Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e não te esqueças de nenhum de seus benefícios. Ele é o que perdoa todas as tuas iniquidades, que sara todas as tuas enfermidades, Que redime a tua vida da perdição; que te coroa de benignidade e de misericórdia, Que farta a tua boca de bens, de sorte que a tua mocidade se renova como a da águia."
(Salmos 103:1-5 - ACF - Almeida Corrigida e Fiel)

[Colunista Hudson Lebourg] Uma Visão De Um "Tempo Coxo"
(Publicado: 25 de Junho de 2018, Segunda Feira, 12h41)
Em ligação ao outro escrito que fiz "A oferta de um tempo coxo", ao qual reflita sobre o texto de Malaquias 1:7-8, escrevo esta visão ao qual relaciono com o mesmo veio se assunto é congruência aplicado anteriormente.

[Colunista Hudson Lebourg] O Isolamento É Uma Armadilha Do Inimigo
(Publicado: 25 de Junho de 2018, Segunda Feira, 12h12)
Um pastor de ovelhas sabe a importância de manter as ovelhas juntas em um rebanho. Se alguém for embora, um lobo astuto pode agarrá-la e matá-la. O diabo está procurando alguém para devorar. Ele está devorando aqueles que se desligam do povo de Deus e se afastaram do rebanho.

[Colunista Hudson Lebourg] Outra Palavra de Consolo
(Publicado: 20 de Maio de 2018, Domingo, 14h43)
"Porque a nossa leve e momentânea tribulação produz para nós um peso eterno de glória mui excelente; Não atentando nós nas coisas que se vêem, mas nas que se não vêem; porque as que se vêem são temporais, e as que se não vêem são eternas." (2Co 4:17-18)

[Biografias] William Perkins (Publicado: 20 de Maio de 2018, Domingo, 14h00)
William Perkins nasceu em 1558, no vilarejo de Marston Jabbet, em Warwickshire, Inglaterra. Sabemos pouco sobre sua juventude até ele deixar sua casa para começar seus estudos na Faculdade de Cristo, em Cambridge, em junho de 1577. Perkins se matriculou na faculdade como pensionista, o que sugere que ele pertencia a uma família de classe média bem estabelecida. A vida na universidade desafiou a criação religiosa de Perkins. Ele parecia ter perdido toda e qualquer fé cristã que um dia possuíra. Nesse vácuo espiritual surgiu um substituto novo, mais fascinante: o oculto. Anos mais tarde, Perkins descreveria assim essa fascinação pela mágica e pelo oculto: "Durante muito tempo, estudei essa arte e nunca me satisfazia até descobrir todos os seus segredos. Mas depois, aprouve a Deus colocar diante de mim a blasfêmia que isso era, ou, devo dizer francamente, a idolatria, embora por vezes ela pudesse estar coberta por uma tinta dourada".

[Biografias] Zacharius Ursinus (Publicado: 20 de Maio de 2018, Domingo, 13h05)
Zacarias Ursino (1534-1583), teólogo reformado, nasceu na cidade silésia de Breslau (hoje na Polônia). Seu pai era um homem de recursos modestos, mas Zacarias teve uma excelente educação preparatória graças às suas conexões e ao apoio de um benfeitor Dr. João Crato, o médico da família. Nascido Zacharias Baer, como todos os jovens eruditos de sua era, deu a si mesmo um nome latino – Zacharias Ursinus, derivado de ursus, que significa urso em português. Ursino é mais conhecido como o principal autor e intérprete do Catecismo de Heidelberg.



& PROTESTANTISMO &
Desde 03 de Agosto de 2008